terça-feira, 8 de março de 2011

*A Escolha De Cada Um* de Regina Monge - por Nanda Meireles

Olá, pessoal.

Espero que o fim de semana de vocês tenha sido fantástico... Mas se não foi lá essa coisas, já parou para pensar de quem foi a culpa? Pode responder com toda sinceridade que o culpado não foi você mesmo? Ou quem sabe, suas escolhas não tenham sido muito boas...

Bem, impossível resistir a começar essa resenha sem por em prática o que a autora, Regina Monge, tenta nos ensinar em seu livro de estréia "A Escolha de Cada Um".
Mas não se precipitem. Essa não é uma obra de auto-ajuda comum, e tenham muito cuidado com o que vão falar ou pensar desse livro, pois ele tem sentimentos!
Logo, logo explicarei melhor isso tudo...

Eis o livro da resenha de hoje:
Editora: Novo Século
Ano: 2010
Páginas: 160
Sinopse Oficial:
A Escolha de Cada Um nos ensina a reconhecer nossas limitações, nossos problemas, e nos impulsiona a ir ao encontro das soluções, buscar as oportunidades que a vida nos oferece. Alerta-nos para combatermos nossa inércia, nosso amortecimento, pois eles nos imobilizam, impedindo-nos de enxergar acontecimentos importantes. Esquecer o passado e ir em busca de nossos sonhos, nossos ideais. Ensina também que a existência continua, mostra um caminho iluminado, deixando-nos ver os obstáculos a superar. Dá a todos os mesmos direitos: à felicidade, ao sucesso, ao amor. Ele nos ensina a fazer escolhas. Escolhas certas. É um livro instigante, porque mistura realidade cotidiana com trechos totalmente surrealistas, História; e fala, acima de tudo, sobre o amor e seu poder de transformação.

Conheça melhor a autora:
REGINA MONGE nasceu em 1967 e mora na cidade de São Paulo. É comunicóloga, formada em Produção Editorial pela Universidade Anhembi Morumbi. Tem MBA em Marketing pela ESPM e especialização em História e Linguagem do Cinema pela PUC-SP. Desde adolescente sentiu-se atraída pela leitura; no início, teve sua curiosidade despertada pelas biografias dos grandes líderes; em seguida, começou a escrever suas primeiras poesias, deixando de lado pela correria da vida. A ideia da primeira parte de "A escolha de cada um" surgiu-lhe no início dos anos noventa. Memorizou-a pelo período de dez anos quando, de repente, começou a receber uma nova inspiração para a segunda parte. Este livro também faz parte desses mistérios do Universo, que só o tempo explica. Para ele existir houve um longo processo, porém a autora teve coragem de fazer sua escolha.

Agora sim, a minha opinião:

Difícil falar desse livro sem misturar minhas convicções e emoções particulares. Mas tentarei...

A primeira parte desse livro é brilhante. Imagino a autora guardando em sua mente, durante uma década, a preciosa idéia de escrever um livro, sendo o próprio, o seu personagem-narrador principal.

Não é raro encontrar por aí a biografia de um escritor, onde conhecemos suas agonias e conquistas. Raro, é ver esses mesmos sentimentos sendo relatados pela obra do escritor.
Como assim?! Acho que para você entender melhor, devemos fazer outro tipo de pergunta:
E se um livro falasse? Se ele pudesse contar como é a sensação de ser criado e passar do anonimato ao estrelato?

É maravilhoso ler e viajar na alegria de nascer na mente do autor, de ver sua roupagem ser criada nas mãos do editor. Da alegria na noite de lançamento e as decorrentes frustrações ao se encontrar por meses na estante da livraria.... Genial.

Já a segunda parte do livro, conta o que seria o conteúdo do livro-narrador.
Nele, conhecemos Anna, uma mulher madura e muito bem sucedida que guarda em seu coração a amargura de um amor perdido.
Por vinte anos, após a morte trágica de seu noivo, ela se negou voltar a amar e assim, nunca se permitiu ser verdadeiramente feliz.

Muito interessante reparar que quando perdemos algo que amamos muito, temos a tendência de "endeusa-la". Nunca lembramos das falhas e do fato inquestionável que nada dura para sempre.

A autora apresenta uma narrativa leve e agradável. Fiquei encantada com a viagem da personagem para a Jordânia e o profundo mergulho na rica história do país.

O final da história de Anna é impactante. Tanto pelas inesperadas e tórridas noites de amor que ela se permite viver, quanto pela assombrosa revelação de quem é, na verdade, seu amante predestinado.

Vejo "A Escolha De Cada Um" como um livro completo, interessante e indispensável.

Vocês podem adquirir o seu nas Livrarias Cultura ou Saraiva.

Postado por: http://www.fernandameireles.com/2011/02/escolha-de-cada-um-de-regina-monge.html

6 comentários:

  1. Muito interessante o blog !
    Deixo o meu aqui caso queira dar uma olhada, seguir...;

    www.bolgdoano.blogspot.com

    Muito Obrigada, desde já !

    ResponderExcluir
  2. Quero começar a ler seu livro logo!! *-*

    Beijos
    Rapha - Doce Encanto.

    ResponderExcluir
  3. Olá Amanda,

    bem legal seu blog. Podemos fazer uma parceria se quiser.

    Bjs

    ResponderExcluir
  4. Oi Regina, tenho sim! :)

    Ele é o próximo na fila hehehe


    Beeijos ;*
    Rapha - Doce Encanto.

    ResponderExcluir
  5. Olá Regina!
    Tudo bem?

    Passando para avisar que você foi incluída no novo Quadro de Autores do meu blog (http://fazdiconta.blogspot.com)

    Caso queira a divulgação de algum material ou rede social,entre em contato! (blogfazdiconta@gmail.com)

    Bjos!

    ResponderExcluir